PARCEIRO

test

News

Post Top Ad

Your Ad Spot

sábado, 28 de setembro de 2019

Introdução - Parte II

22/08/2012

"Esta série se baseia no propósito de explicar a existência do personagem Shima e sua trajetória, que foram fundamentais para o progresso da caminhada em sua incrível peregrinação espiritual."


A lógica tem sempre uma justificativa e em caso contrário é considerado sobrenatural. Neste último item, muitas pessoas simplesmente não assumem a sua verdadeira identidade e usam um pseudônimo para não criar constrangimentos pessoais, evitando assim cobranças desnecessárias e inúteis em sua vida cotidiana.

Enquanto alguns se “escondem” por trás de imagens e/ou figuras para não se expor ao “ridículo”, aos vexames ou pressões da sociedade, outros assumem suas identidades, amenizando o impacto de suas atitudes, mesmo que para isso utilizem seus apelidos naturais. Outros assumem naturalmente. É o meu caso. Sempre me expus publicamente e minhas fotos pessoais sempre ficaram em evidência, aberta a qualquer um que se dispusesse a investigar minha vida particular.

O "apelido" Shima começou a surgir em meados de outubro de 1983 como uma egrégora de guerreiro e, meses depois assumi totalmente essa própria identidade, deixando o nome de registro apenas para situações familiares. Nas minhas relações de amizade e profissional, o apelido pegou, tornando-se até uma marca comercial que se transformou no nome da minha empresa.

Espiritualidade

O assunto principal que vamos abordar se refere à condição espiritual, desvendando o lado místico. Falar da clarividência e dos dons que sempre possui desde a minha infância é o objetivo desta série de capítulos. Para entender isso, precisamos ir até à infância para avançar ao longo da jornada através da pré-adolescência, adolescência, juventude, até alcançar a vida adulta, quando o destino me coloca diante da minha verdadeira e única identidade. Esta foi a grande descoberta.

Antes porém, é mister que façamos um pequeno esboço (resumo) do percurso que iremos nos defrontar à frente, porque isto facilitará a compreensão sobre a sequência dos pontos que são importantes na caminhada de qualquer ser humano na face deste planeta.


Os "sinais" estão sempre presentes na vida de todos, mesmo que procuramos justificá-las como "coincidências"... e isso, garanto que não existe. Nada é por acaso. Há uma pré-determinação em nosso nascimento (destino) que é mutável a partir de cada etapa do nosso desenvolvimento físico, psíquico, emocional e mental, bem como em nosso avanço pela senda espiritual.

Durante a exposição dos fatos ocorridos na minha vida, estarei mencionando vários aspectos relacionados à nossa condição humana e suas relações interpessoais, pois é na convivência com as pessoas que está o segredo do aprendizado de cada indivíduo neste mundo. Habitamos um corpo de sensações e é através do sistema sensorial que ocorre as mudanças internas.


Quem sou? De onde vim? Para onde vou?

Observo hoje, estas três perguntas que ainda são um mistério para a maioria das pessoas, principalmente aquelas que estão em busca de respostas para os seus conflitos existenciais, pois quase a totalidade da humanidade se encontra na faixa da acomodação, onde os prazeres sensoriais que o mundo oferece é o fator dominante em sua manifestação material.

Todos estes assuntos serão mencionados nas narrações, exemplificando em forma de vivência pessoal, as experiências e questionamentos que tive de enfrentar e como encontrei minhas próprias respostas.  


O final desta história culmina na conexão plena com a minha consciência espiritual (Eu Superior), e em seguida veio a maior e mais surpreendente revelação sobre o processo ascensional que nunca tem sido mencionado em qualquer ensinamento oculto, guardado a sete chaves num santuário, onde apenas aqueles que ultrapassam a câmara do discipulado, podem ter acesso.



Em Luz e Amor,
Shima.

... continua...


Veja mais:

Visitas Inesperadas - Parte I

A Decisão de Viajar - Parte III 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

NOSSAS PUBLICAÇÕES

Post Top Ad

Your Ad Spot

Páginas